Familia Cotrim

Citacoes


Ana Teresa de Jesus Ladeia

1Edward Fraga, Site da Familia Fraga (www.frmfraga.hpg.com.br).
"A origem da "Família Fraga" deve-se a Dona Ana Teresa de Jesus Ladeia, conhecida na cidade de Caetité de outrora como Dona Ana do Sobrado e na familia por "Vó Donana".
A mãe de Ana Teresa era filha, neta ou bisneta de um português casado com uma bugra no estado da Bahia, no lugar próximo à Candeuba. Chama-se Lourença Rodrigues casada em Caetité com José Pedro Ladeia, da familia tradicional dessa cidade. Esse casal teve vários filhos dentre eles Ana Teresa de Jesus (Vó Donana), Clemência, Joaquim Antonio e Filipe.
ANA TERESA DE JESUS LADEIA (Vó Donana), casou-se com um velho português Constantino José Faria, senhor de grandes haveres. Falecendo Faria, Dona Ana ficou senhora de toda a fortuna visto o mesmo nao ter herdeiros. Casou-se em segundas núpicias com o fidalgo português Bernardo Antonio Cardoso, de Cabeceiras de Basto, provincia do Minho. Falecendo este e não deixando filhos, ficou Dona Ana de posse de todos os bens até que viessem herdeiros de Portugal. Não querendo nenhum deles vir ao Brasil, cidade de Caetité, Bahia liguidar a herança, combinaram com o Pe Manoel José Gonçalves Fraga (1) para vir liquida-la, ficando ele com a metade e enviando a outra metade para os herdeiros em Portugal.
Como Dona Ana não teve filhos com o primeiro marido adotou um menino, filho de João José Gomes Azevedo, o qual deu o nome de Constantino José de Faria. Nao tendo filhos com o segundo marido, adotou uma menina rescem nascida, filha de sua irmã Clemencia que se chamou Bernardina.
Os dois maridos de Ana Teresa não tiveram descendentes e ela deixou como herdeira universal a sua sobrinha e filha adotiva Bernardina.
Ana Teresa e Bernardo Antonio se casaram em Caetité e residiram por algum tempo em Rio das Contas. Construiu depois um sobrado em Caetité atrás da Igreja de Sant'Ana.(01)."


Bernardo Antônio Cardoso

1Edward Fraga, Site da Familia Fraga (www.frmfraga.hpg.com.br).
"Bernardo Antonio, na ocasião da independencia do Brasil, como os portugueses sendo perseguidos, refugiou-se na mata, apanhou uma pneumonia, vindo a falecer, em Vila das Almas, em 1823."


Ana Teresa de Jesus Ladeia

1Edward Fraga, Site da Familia Fraga (www.frmfraga.hpg.com.br).
"A origem da "Família Fraga" deve-se a Dona Ana Teresa de Jesus Ladeia, conhecida na cidade de Caetité de outrora como Dona Ana do Sobrado e na familia por "Vó Donana".
A mãe de Ana Teresa era filha, neta ou bisneta de um português casado com uma bugra no estado da Bahia, no lugar próximo à Candeuba. Chama-se Lourença Rodrigues casada em Caetité com José Pedro Ladeia, da familia tradicional dessa cidade. Esse casal teve vários filhos dentre eles Ana Teresa de Jesus (Vó Donana), Clemência, Joaquim Antonio e Filipe.
ANA TERESA DE JESUS LADEIA (Vó Donana), casou-se com um velho português Constantino José Faria, senhor de grandes haveres. Falecendo Faria, Dona Ana ficou senhora de toda a fortuna visto o mesmo nao ter herdeiros. Casou-se em segundas núpicias com o fidalgo português Bernardo Antonio Cardoso, de Cabeceiras de Basto, provincia do Minho. Falecendo este e não deixando filhos, ficou Dona Ana de posse de todos os bens até que viessem herdeiros de Portugal. Não querendo nenhum deles vir ao Brasil, cidade de Caetité, Bahia liguidar a herança, combinaram com o Pe Manoel José Gonçalves Fraga (1) para vir liquida-la, ficando ele com a metade e enviando a outra metade para os herdeiros em Portugal.
Como Dona Ana não teve filhos com o primeiro marido adotou um menino, filho de João José Gomes Azevedo, o qual deu o nome de Constantino José de Faria. Nao tendo filhos com o segundo marido, adotou uma menina rescem nascida, filha de sua irmã Clemencia que se chamou Bernardina.
Os dois maridos de Ana Teresa não tiveram descendentes e ela deixou como herdeira universal a sua sobrinha e filha adotiva Bernardina.
Ana Teresa e Bernardo Antonio se casaram em Caetité e residiram por algum tempo em Rio das Contas. Construiu depois um sobrado em Caetité atrás da Igreja de Sant'Ana.(01)."